O primeiro anúncio do Mural

Uma agência de notícias da periferia, uma rede que contará com colaboradores de diferentes comunidades do país. Com seus textos, vídeos e áudios, Mural quer ser uma referência como produtor de conteúdos produzidos por correspondentes comunitários. Um canal para todos aqueles que querem abolir a divisão centro x periferia, todos os que desejam inverter a lógica da produção de notícias.

Meu nome é Bruno Garcez, Knight Fellow do International Center for Journalists (ICFJ) e coordenador do Mural.

Sou repórter licenciado da BBC Brasil, ex-correspondente em Washington, ex-jornalista da Folha de São Paulo. O fellowship – um termo meio complicado de traduzir, mas acho que podemos descrever como sendo uma bolsa – da Knight consiste em recrutar e treinar cidadãos-jornalistas, descobrir suas potencialidades e fazer uso do conhecimento que eles têm sobre suas próprias comunidades.

Queremos agregar uma leva, depois outra e outras de jornalistas cidadãos e queremos ouvir suas muitas histórias. Isso é apenas o começo e não tem prazo para acabar.

Esse post foi publicado em Anúncios. Bookmark o link permanente.

2 respostas para O primeiro anúncio do Mural

  1. David disse:

    Entendemos que há uma necessidade de promover a cultura produzida nas periferias para própria comunidade, uma vez que esta, por esse viés pode se reconhecer como parte atuante e construtiva desta sociedade. Acreditamos no potencial de impacto que pode ter um projeto como esse para a comunidade pesquisada, além de entender ser necessário documentar uma realidade e mostrá-la ao mundo para desmistificar ou reafirmar conclusões.

    Ficamos empolgados com a possibilidade de abrir “Um canal para todos aqueles que querem abolir a divisão centro x periferia, todos os que desejam inverter a lógica da produção de notícias” porém, nos perguntamos: – É possivel que os meios tradicionais de comunicação, TV`s, jornais e revistas abram espaços para a voz que vem das periferias?

    No cenário globalizado, dominado pelas grandes potências econômicas o Brasil e os países do Terceiro Mundo (emergentes) vem ganhando cada vez mais espaço, será que conseguiremos reproduzir isto dentro da nossa própria aldeia?

  2. Pingback: Mural: jornalismo cidadão na internet « Somos andando

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s