O bairro é seu e a instituição também

São várias as instituições públicas que atuam em seu bairro, mas será que você conhece todas elas e sabe quais são as suas atribuições?

Confira esta planilha aqui e preencha quais são as atribuições da instituição apontada ao lado seu nome, o nome de seus principais dirigentes e os contatos de sua assessoria de imprensa (telefone e/ou email).

Em seguida, formule uma pauta que envolva essa instituição e a atuação dela (ou a falta de atuação dela) em seu bairro.

Objetivo> o que a pauta quer mostrar?

Fontes> Sugestão de encaminhamento (roteiro)> quem entrevistar, quantos depoimentos, etc.

Tipo de veículo> internet/blog, jornal impresso, revista, vídeo

Esse post foi publicado em Exercícios. Bookmark o link permanente.

18 respostas para O bairro é seu e a instituição também

  1. Katiane Rodrigues disse:

    Pauta – Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho

    Objetivo: Conhecer a atuação e eficácia da instituição

    Como: Conhecer a história de moradores de Itaquera que conseguiram emprego por meio da secretaria e outras que tiveram problemas com a instituição

    Fontes: Ministério do Trabalho; moradores; associação de moradores; subprefeitura de Itaquera; secretaria do emprego; representante do comércio local.

    Entrevistas: entre 4 e 5 pessoas

    Veículo: jornal

  2. Ivaneide Bezerra da Silva disse:

    Pauta: Secretaria municipal do verde e do meio ambiente
    Objetivos: Verificar a atuação da secretaria e sua eficácia , em se tratando de sua competência de planejamento , ordenamento e coordenação das atividades de defesa do meio ambiente.
    Fontes: http://www.ambiente.sp.gov.br/smaImprensa.php, moradores, estudantes do ensino médio .
    Entrevista: entre 7 á 10 pessoas.

  3. Sirlene Farias disse:

    Pauta: A venda e o consumo de entorpecentes por jovens do bairro de Guaianases

    Objetivo: Investigar como os jovens do bairro se envolvem com a venda e o consumo de drogas. Buscar quais são as políticas realizadas pelo CONED-SP a fim de diminuir a demanda de entorpecentes na região. Conhecer sugestões que contribuam para a solução ou amenização do problema.

    Fontes:

    • Primária: Presidente do Conselho Estadual sobre Drogas: Mauro Gomes Aranha de Lima ou a vice-presidente do conselho: Vera Lúcia De Santanna Martins.
    • Secundária: Coordenador da ONG “Sou feliz sem drogas”, Nelson Hossri Neto
    • Terciária: Depoimentos de jovens e adolescentes do bairro que se envolveram com a venda de entorpecentes.

    Tipo de veículo: jornal impresso ou revista.

  4. Tatiane Ribeiro disse:

    Objetivo: Mostrar quais medidas para combater a violência são implantadas no centro da cidade de São Paulo

    Entrevistar:
    1- Ricardo Dias Leme – Secretário da Justiça e da Defesa da Cidadania
    2 – Coordenadora da região do centro de São Paulo
    3 – Alguém que tenha passado por uma situação de violência no Centro e seja atendido pelos psicólogos do Cravi
    4- Psicólogos que prestam serviço no Cravi
    5- Testemunha relacionado as crimes no centro da cidade que recebe proteção do Cravi

    Coletar dados estatísticos sobre crimes de homicídio (consumado e tentado), latrocínio (consumado e tentado), lesão corporal grave e ameaça (com risco à vida ou integridade) no centro de São Paulo.

    Responder as seguintes perguntas:

    1- Quais são tipos de crimes são mais recorrentes no Centro de São Paulo?
    2- Quais as principais dificuldades de trabalho na região?
    3- Quais os meios para combater a recorrência desses casos?

    Mostrar a relevância do atendimento para as vítimas.
    Mostrar endereço e telefone para os leitores entrarem em contato com o Cravi quando necessitarem.

    Veículo: Jornal impresso

  5. Priscilla Vierros disse:

    Pauta: Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania

    Objetivo: Fazer uma matéria focada nos direitos dos consumidores em relação às instituições de ensino.

    Como: Abordar o direito do aluno quando ingressa e durante o período de faculdade ou curso, caso haja desistência do mesmo.

    Angulação: Verificar com os alunos se eles sabem sobre seus direitos e se já tiveram alguma experiência em relação a este assunto. Colher depoimentos de pessoas que precisaram desistir do curso e encontraram dificuldade.

    Fontes: Especialista, Secretaria da Justiça e três alunos.

    Entrevistas: de quatro a cinco pessoas

    Veículo: internet/ blog

  6. Bia Souza disse:

    Objetivo: Relatar como as crianças abaixo de 10 anos, em situação de rua estão entre os responsáveis pelos roubos na região central

    Fontes: Moradores, pedestres, representandes da Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social, representante de associação de moradores
    Fonte técnica: sociologo
    Tipo de veículo: Internet/blog

  7. Bianca Pedrina disse:

    Pauta: SPTrans /No bairro da Parada de Taipas existem ônibus suficientes para atender a demanda de cadeirantes.

    A Pauta tem o objetivo que averiguar se a demanda de ônibus adaptados é suficiente para transportar pessoas com deficiência física.

    Quais são as dificuldades enfrentadas pelos deficientes físicos que moram em Taipas.
    Entrevistar: Cadeirantes do bairro que utilizam este meio de transporte para se locomover. Perguntar se estas pessoas tem dificuldades de encontrar ônibus adaptados para suas necessidades.

    Motoristas destes ônibus adaptados. Perguntar se encontram alguma dificuldade em transportar estas pessoas, se sim quais. Eles têm algum tipo de treinamento para manusear o equipamento. Como auxiliam o deficiente físico.

    Entrar em contato com a assessoria de imprensa da SPTrans. Perguntar como funciona a distribuição destes ônibus para os bairros (no caso Taipas). Como é feito este controle.

    Tipo de veiculo: Internet

  8. coabitar disse:

    Sabesp

    Objetivo: Conhecer os programas de canalização de córregos nas periferias habitadas paulistanas.

    Entrevistar:
    Moradores que moram em regiões no entorno a estas áreas para conhecer quais são suas dificuldades. (4 à 5 moradores)
    Engenheiro de habitação das prefeituras, para verificar os problemas que as casas nestas regiões podem ter.
    Marcelo Salles Holanda de Freitas – Diretor de Tecnologia, Empreendimentos
    e Meio Ambiente da Sabesp.

    O repórter irá buscar nestes campos informações relevantes para a sociedade que é realizada pela Sabesp sobre canalização de córregos nas periferias de São Paulo. Irá verificar também quais são e onde estão estes córregos e por qual motivo a Sabesp encana alguns e deixa outro ao ar livre.

    Fontes: Sabesp, Engenharia de Infra-estrutura do Estado de São Paulo e Secretária do Meio Ambiente.

    Veículo: TV

  9. Patrícia Silva disse:

    Pauta: Ausência de cuidados nas calçadas de Campo Limpo

    Objetivo: Mostrar a ausência de cuidados da Subprefeitura de Campo Limpo e dos moradores da região em relação às calçadas do lugar, que em geral, apresentam excesso de capim, lixo e falta de pavimentação em muitos trechos.

    Fontes: entrar em contato com a Subprefeitura de Campo Limpo e entrevistar moradores do bairro.

    Tipo de veículo: Internet, TV e Jornal Impresso

  10. Jessica Gonçalves disse:

    Pauta: Casa do Adolescente

    Objetivo: Esclarecer que há, na cidade de São Paulo, uma organização que beneficia os adolescentes que se utilizam de postos de saúde. A Casa do Adolescente é um projeto desenvolvido pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social e a Secretaria Municipal de Saúde que orientam os jovens com questões de gravidez, doenças sexualmente transmissíveis, drogas, e ainda proporcionam assistência médica de qualidade nos setores da psicologia, fonoaudiologia, dentário e outros.

    Fonte: Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, Secretaria Municipal de Saúde.

    Roteiro: Entrevistar médicos, adolescentes beneficiados pelo projeto e membros das secretárias.

    Veículo: Internet.

  11. Cíntia Gomes disse:

    Pauta: As ações sociais realizadas pela PMSP nas comunidades e escolas públicas

    Objetivo: Pesquisar os locais do bairro do Jardim Ângela/ Guarapiranga que receberam os projetos como o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), SOS no resgate da cidadania e o projeto Bombeiro na escola. Saber quais foram os resultados, o que é preciso fazer para que os projetos sejam oferecidos nas escolas e o que os alunos e pessoas do bairro pensam sobre os projetos.

    Fontes: 1° entrevistar 1 policial da PROERD e 1 bombeiro do SOS no resgate da cidadania e 1 bombeiro do projeto bombeiro na escola. Ambos irão falar dos projetos e qual o objetivo e como é realizado.
    2° entrevistar 1 diretor das escolas que receberam os projetos, para falar dos benefícios e se houve um bom retorno dos alunos até mesmo dos pais.
    3° entrevistar 3 alunos da escolas públicas do ensino fundamental que receberam as palestras para falar do que acharam.
    4° entrevistar 2 moradores da região para saber se eles conhecem os projetos e como essas ações contribuem para o bairro.

    Tipo de veículo: Jornal impresso

  12. Samantha disse:

    Pauta: Conhecer a instituição e suas atividades principais no estado de SãoPaulo.

    Objetivo: Divulgar as obrigações,intenções do Conselho Estadual do Idoso e seus projetos,além de verificar a eficiência do orgão.

    Visitando a sede e entrevistando os principais dirigentes,colaboradores.Algumas localidades…Tendo como fonte os principais representantes do Conselho,a população local,subprefeituras da região e a Secretaria de Relações Institucionais.

    Veículo:TV

  13. Nayara Konno disse:

    Pauta: CET

    Objetivo: Averiguar as áreas onde ocorre trânsito lento com frequência.

    Fonte: Gerência de Engenharia do Tráfego

    Veículo: Jornal Impresso.

  14. Eder Antonio disse:

    Pauta – Secretaria Municipal de Infra-Estrutura Urbana e Obras
    Objetivo – Verificar projetos em andamento, bem como as diretrizes da secretaria em relação aos bairros mais carentes.

    Fontes – Moradores das áreas menos urbanizadas e pobres; Um diretor e o engenheiro responsável pelas obras; Membro do legislativo e o prefeito.

    Veículo – Jornal impresso, vídeo e web.

  15. Elaine Cancio disse:

    Objetivo: Orientar como estão as oportunidades de trabalho na região de Vila Prudente e na entrevista com o Secretário aproveitar para descobrir se existe algum tipo de ação oficial de combate ao trabalho infantil informal (o intuito é gerar uma outra pauta)

    Tipo de veículo: Impresso

    Antes de mais nada é preciso saber…. que nos bairros a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho mantém nos bairros os CATs(Centros de Apoio ao Trabalhador). O mais próximo fica no bairro Tatuapé (Rua Padre Estevão Pernet, 615) e dá encaminhamento para casos de seguro-desemprego (dar entrada e verificar vagas), carteira de trabalho (emisão e segunda via) e SP Confia (financiamentos para quem não tem renda e não consegue via sistema bancário regular)

    1-O que faz um CAT
    2- Conhecendo o CAT Tatuapé: atendimentos no último ano – quantas pessoas utilizaram, o que buscam em ordem de prioridade, quantas conseguiram trabalho, quantas empresas da região utilizam este serviço para gestão de mão-de-obra
    3-Entendendo o perfil do trabalhador da região: quem procura, nível de escolaridade, principais vagas de interesse, áreas mais difíceis de serem preenchidas (falta de qualificação etc.)
    4-Entendendo o potencial de trabalho da região: número de empresas, participação por setor, indústrias-segmento das três maiores, salário médio pago para o funcionário
    5-Em especial como é a liberação de crédito: valor mínimo e máximo, documentos exigidos, quanto tempo leva para liberar, como é o pagamento disso
    6-E a parte de cursos para qualificação: quantas opções, os mais concorridos, duração média, como se inscrever
    7-E a parte de auxílio no primeiro ou na recolocação: tipos de orientações oferecidas (como fazer o currículo, como portar-se nas entrevistas etc.), como ter acesso a isso…
    8-Combate ao trabalho infantil informal: é feito alguma coisa neste sentido, o que, como denunciar, quais as penalidades previstas *Com o Secretário

    Começar posicionando o leitor sobre que é/o que faz um CAT através de uma conversa com o Secretário: Marcos Cintra Cavalcanti de Albuquerque.
    Obter as informações específicas sobre o CAT da região com o Coordenador de Trabalho: Fernando Cerqueira de Oliveira.
    Na visita ao CAT, escutar usuários ( quem veio interar-se sobre uma vaga sobre a importância desse serviço em suas carreiras e quem veio para determinado curso) e pedir a indicação para depoimento de um comerciante/industrial da região que utilize o serviço.

  16. André Nicolau disse:

    Pauta: Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

    Objetivo: Destacar o trabalho desenvolvido pela instituição, ressaltando histórias de pessoas beneficiadas por estas iniciativas e, também, expor as dificuldades encontradas neste trabalho.

    Fontes: Entrevistar o presidente, diretor e uma pessoa que atue diretamente no projeto. Buscar depoimentos dos jovens beneficiados.

    Veiculação: Vídeo.

  17. marcelo disse:

    Radio Terra Fm 98.9 sp.

    -PROGRAMA-

    -ANGELA CAMARGO-

    Betto’s Supermercado.

    Promoção: SUCO- MID.

    GANHE UM MAQUINA DE LAVAR -CONSUL .

    ( 1ª ) Uma em cada Loja.

  18. Simon disse:

    For the reason that the admin of this web site is working, no
    hesitation very shortly it will be famous, due to its feature contents.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s